Dicas de viagem ajudam a proteger os ossos de pessoas com osteoporose | Firme Forte | Osteoporose

Dicas de viagem ajudam a proteger os ossos de pessoas com osteoporose

Fisioterapeuta da ABRASSO sugere pesquisar o destino escolhido, optar por calçados confortáveis e malas leves, de preferência com rodinhas

Os dias de descanso são desejados por muitos. Planejar a viagem é uma delícia, mas quem sofre com a osteoporose precisa de atenção extra aos detalhes do passeio para evitar quedas ou fraturas graves: cerca de 10 milhões de brasileiros têm esta doença e, de acordo com o Estudo Brasileiro de Validação em Osteoporose (BRAVOS), deverão ocorrer 66.760 mil casos de fratura de quadril – que pode levar à morte – por osteoporose, em 2015.

Alguns cuidados antes da viagem podem ajudar a evitar problemas. Para a fisioterapeuta Leda Magalhães de Oliveira, membro da Comissão Científica da Associação Brasileira de Avaliação Óssea e Osteometabolismo (ABRASSO), o primeiro passo é pesquisar bem o destino, suas características e os passeios que serão feitos. Com essas informações importantes a pessoa com osteoporose poderá se preparar e fazer uma viagem segura.

“Para os mais idosos os passeios ao ar livre podem ser feitos com auxílio de bengalas ou acompanhados de uma pessoa. Lugares com piso irregular necessitam de atenção para evitar quedas e consequentemente fraturas”, esclarece Leda.

Veja algumas dicas da fisioterapeuta:

Malas – Para mais comodidade, prefira malas com rodinhas. Outra dica é manipular as malas sem se inclinar sobre elas, levantando-as pela lateral, o que favorece firmeza do corpo. Se precisar solicitar ajuda para transportar as malas, não hesite. Para abaixar não se incline para frente, mas separe as pernas (uma a frente da outra) e dobre levemente os joelhos, de forma que seu corpo não fique inclinado à frente dos joelhos.

Calçados – Opte por calçados confortáveis, de preferência os fechados. “Qualquer sapato sem calcanhar é contraindicado depois dos 60 anos. O modelo ‘Crocs’ só é recomendado para usar dentro de casa e é muito perigoso em escadas rolantes. Sapatos de salto alto podem desequilibrar e causar dor embaixo dos dedos. Saltos finos nem pensar”, afirma Leda.

Postura – Ao sentar leve o tronco contra o encosto. “Não incline o corpo para trás com os ombros a frente do quadril – eles devem estar um pouco mais atrás. O corpo deve fazer um “L” e não um “C”. A cabeça deve ficar sobre o quadril e não projetada muito à frente. Ficar sentado muito tempo faz com que a musculatura não funcione muito bem, então vale a pena se levantar e esticar os braços para o alto de vez em quando, como se estivesse empurrando para o alto. Outra coisa importante é dar uma boa espreguiçada”, finaliza a fisioterapeuta integrante da ABRASSO.

Twitter

Dica Firme e Forte

ToolsCalculadora

Para previnir a osteoporose: consuma mais alimentos com cálcio e vitamina D, tome mais sol e faça mais exercícios com algum impacto. Não deixe de fazer os exames preventivos, incluindo a denistometria óssea.

Arquivos

Depoimentos [+] outros depoimentos

“A informação faz toda a diferença em nossa vida, inclusive na nossa saúde. Com a campanha Seja Firme e Forte objetivamos levar conhecimento a todos, para que tenham hábitos saudáveis de vida  e garantam a saúde de seus ossos em todas as fases da vida, e também para que as pessoas saibam reconhecer as situações de risco que possam enfraquecer seus ossos, de forma a procurarem os profissionais de saúde precocemente, para prevenir as doenças ou, quando necessário, resgatar sua saúde óssea.”

Luiz Claudio Castro, Endocrinologista Pediatra.

21/09/2011

Lorem ipsum dolor sit amet

“A osteoporose é real e afeta a todos. É preciso mobilizar a todos e mostrar que embora difícil, é possível conviver com a doença, trabalhar e ter uma vida normal.”

Suely Roitman, Presidente da FENAPCO

Dica Firme e Forte

ToolsCalculadora

Para previnir a osteoporose: consuma mais alimentos com cálcio e vitamina D, tome mais sol e faça mais exercícios com algum impacto. Não deixe de fazer os exames preventivos, incluindo a denistometria óssea.

Teste de Osteoporose

ToolsTesteOsseo

São apenas 19 perguntas simples para você descobrir como está a saúde dos seus ossos.

Teste de Osteoporose