Osteoporose pode influenciar na qualidade da saúde bucal | Firme Forte | Osteoporose

Osteoporose pode influenciar na qualidade da saúde bucal

A osteoporose esta relacionada com vários agravamentos da saúde bucal, dentre os quais a perda de osso alveolar, que pode acarretar em perda de dentes e piora na condição periodontal. Pacientes que pretendem implantar dentes devem realizar antes avaliações relacionadas a osteoporose.

Dizem que o sorriso costuma ser um cartão de visita das pessoas. Todos sabem que para causar uma boa impressão é preciso cuidar muito bem dos dentes. Algumas vezes, isto não ocorre, e as pessoas acabam perdendo os dentes e optando por recuperá-los com implantes dentários, afim de conquistar um sorriso bonito. Neste momento, muitos percebem que não basta apenas cuidar bem da saúde bucal, mas também da saúde óssea.

Para receber as próteses é preciso ter boa qualidade e densidade óssea. “A osteoporose não está ligada diretamente a perda dentária, mas causa agravamentos nas doenças típicas da boca, como periodontite e diminuição da densidade do osso alveolar”, esclarece Renato Ferreira, cirurgião dentista integrante da ABRASSO. Contudo o especialista explica que é necessário ter o osso saudável e em quantidade suficiente na região que vai receber o implante dentário.

A avaliação dos ossos na região bucal pode ser feita por exames clínicos, radiografias e tomografias. Quando alguns sinais aparecem nestes exames, tais como a diminuição da cortical óssea mandibular ou perda grave de osso alveolar sem causas diretas da periodontite, torna-se necessário o encaminhamento para o diagnóstico da osteoporose e tratamento.

O tratamento da osteoporose melhora a condição sistêmica do paciente para a recuperação com implantes dentários. “Este assunto tem sido muito estudado e sabe-se que os implantes dentários tem um bom resultado em pacientes com osteoporose em tratamento”, explica o Dr. Ferreira.

As regiões mais afetadas estão relacionadas com o osso trabecular e diminuição da espessura cortical, tanto na maxila (parte superior) quanto na mandíbula (região inferior). “Um Cirurgião dentista bem informado consegue identificar indicativos sinais de osteoporose utilizando apenas as imagens de uma radiografia panorâmica de maxila e mandíbula”, comenta o dentista.

Rotineiramente, pacientes, principalmente mulheres acima de 50 anos, apresentam-se ao consultório dentário em busca de recuperação dentária por meio de  implantes dentários. “Muitas delas não suspeitavam que estavam com perda óssea, mas com uma orientação feita pelo cirurgião dentista e encaminhamento correto, este paciente pode iniciar seu tratamento para evitar o agravamento dessa enfermidade”, finaliza Dr. Renato.

Periodontite e Ossos

Diversas pesquisas científicas sugerem a relação da osteoporose com a fragilidade dos ossos nos rebordos alveolares, que envolve a raiz do dente abaixo das gengivas.

Isso ocorre caso o paciente tenha alguma doença periodontal. Para prevenir esta doença é fundamental ter uma higiene bucal impecável com o uso de fio dental, limpadores de língua e enxaguantes, além de visitar o dentista de confiança regularmente.

O paciente com periodontite pode ter diminuição da massa óssea ao redor dos dentes, isso porque a inflamação causada pela doença libera substâncias que atingem e enfraquecem a sustentação óssea dos dentes. Isso pode ser um processo localizado, não necessariamente relacionado à osteoporose, que precisa ser tratado pelo dentista.

Prevenir e tratar

Há diversas maneiras de prevenir a osteoporose. Algumas delas são optar por uma vida saudável: com alimentação balanceada e rica em cálcio, controle de peso, exposição ao sol, além da prática de exercícios físicos. A hereditariedade também é fator de predisposição da osteoporose.

A prevenção é o melhor remédio no combate a osteoporose.

 

Twitter

Dica Firme e Forte

ToolsCalculadora

Para previnir a osteoporose: consuma mais alimentos com cálcio e vitamina D, tome mais sol e faça mais exercícios com algum impacto. Não deixe de fazer os exames preventivos, incluindo a denistometria óssea.

Arquivos

Depoimentos [+] outros depoimentos

“A informação faz toda a diferença em nossa vida, inclusive na nossa saúde. Com a campanha Seja Firme e Forte objetivamos levar conhecimento a todos, para que tenham hábitos saudáveis de vida  e garantam a saúde de seus ossos em todas as fases da vida, e também para que as pessoas saibam reconhecer as situações de risco que possam enfraquecer seus ossos, de forma a procurarem os profissionais de saúde precocemente, para prevenir as doenças ou, quando necessário, resgatar sua saúde óssea.”

Luiz Claudio Castro, Endocrinologista Pediatra.

21/09/2011

Lorem ipsum dolor sit amet

“A osteoporose é real e afeta a todos. É preciso mobilizar a todos e mostrar que embora difícil, é possível conviver com a doença, trabalhar e ter uma vida normal.”

Suely Roitman, Presidente da FENAPCO

Dica Firme e Forte

ToolsCalculadora

Para previnir a osteoporose: consuma mais alimentos com cálcio e vitamina D, tome mais sol e faça mais exercícios com algum impacto. Não deixe de fazer os exames preventivos, incluindo a denistometria óssea.

Teste de Osteoporose

ToolsTesteOsseo

São apenas 19 perguntas simples para você descobrir como está a saúde dos seus ossos.

Teste de Osteoporose