Osteoporose masculina: mais comum do que se imagina

A osteoporose é uma doença que reduz a resistência do osso e promove o aparecimento de fraturas por fragilidade. Apesar de ser cerca de 5 vezes mais comum nas mulheres depois da menopausa, a osteoporose representa uma ameaça significativa para milhões de homens no mundo inteiro.

Apesar destes números, as pesquisas sugerem que a maioria dos homens continua vendo a osteoporose apenas como uma “doença de mulher” e poucos sabem reconhecer quais hábitos de vida favorecem o aparecimento da doença, uma ameaça significativa para a sua mobilidade e independência.

A osteoporose é chamada de “doença silenciosa” porque progride sem sintomas até que ocorra uma fratura. Desenvolve-se com menos frequência em homens do que em mulheres. Isso ocorre em virtude do fato de que os homens têm ossos maiores, a perda de massa óssea começa mais tarde e progride mais lentamente em relação às mulheres.

No entanto, nos últimos anos o problema da osteoporose em homens tem sido reconhecida como um importante problema de saúde pública, particularmente tendo em vista que estamos vivendo cada vez mais e esta expectativa de vida só tende a aumentar nas décadas futuras.

Crédito da foto: Matthias Rhomberg via Compfight cc